Conheça cinco roupas que são tradicionais em países variados
Menu & Busca
Conheça cinco roupas que são tradicionais em países variados

Conheça cinco roupas que são tradicionais em países variados

Home > Entretenimento > Cultura > Conheça cinco roupas que são tradicionais em países variados

Você já se perguntou o porquê de certas mulheres, em alguns países, optarem por roupas que cobrem todo o seu corpo? Ou por qual motivo, em determinadas nações, é comum que homens utilizem saias, enquanto em outros lugares é um tabu? Isso é bem simples de ser explicado. 

Enganado está aquele que acredita que a única função da roupa é a de promover proteção física. As roupas desempenham também um papel social, pois são reflexos culturais das sociedades. Ou seja: o modo de se vestir em algumas culturas tem muito a ver com seus valores, hábitos, crenças e sua história. Assim, as vestes são manifestações culturais que diferenciam e são capazes de apresentar ou representar povos, sem a necessidade do uso da oralidade. Cores, tecidos, formatos e estampas podem carregar consigo, em dados grupos culturais, simbologias que são capazes de indicar, inclusive, as classes sociais dos indivíduos.

Não necessariamente de uso integral, alguns trajes comuns a certos povos podem também ser usados de forma sazonal ou em datas comemorativas. Em alguns lugares, estão mais relacionados a características físicas do ambiente, enquanto em outros podem estar ligados a manifestações religiosas ou desempenho de funções específicas.

Ficou curioso? Confira, então, 5 vestes típicas de alguns países:

Roupas tradicionais em alguns países

1- Sári ou saree

Sári
Exemplo de sári. | Foto: Reprodução.

O sári é um traje tradicional indiano utilizado por mulheres. Trata-se de uma peça de tecido que tem aproximadamente seis metros de comprimento. Existem diversos modos de dobrar o sári no corpo, porém, o mais tradicional é usá-lo amarrado à cintura com uma das extremidades no ombro. Vários são os bordados, cores, pinturas e tecidos utilizados na confecção dos sáris.

Normalmente, os trajes de algodão são destinados ao uso cotidiano, enquanto os de seda, fios de ouro e outros tecidos mais refinados, são utilizados para ocasiões especiais. Os sáris mais pesados se tornam vestimentas para tempos frios. Uma curiosidade sobre o uso dos sáris: se no ocidente o comum é ver noivas que vestem branco, na Índia, elas geralmente vestem sáris vermelho.

2- Dirndl e lederhosen

roupas típicas
Exemplo de Dirndl e lederhosen. | Foto: Reprodução.

O lederhosen e o dirndl são duas vestimentas tradicionais da Bavária, na Alemanha. O primeiro, uma calça feita de algodão e couro, tem origem humilde, muito utilizado pelos camponeses devido à praticidade da peça. Por mais que existam comprimentos diferentes, comumente suas barras ficam abaixo dos joelhos, podendo ser combinadas com blusas quadriculadas e meias que cobrem a panturrilha por inteiro, além dos clássicos chapéus com penas que, antigamente, indicavam o poder financeiro.

Os dirndls, compostos por corpetes decorados com fitas e bordados, um vestido ou blusa branca, saia e avental, podem vir acompanhados de tiaras floridas ou tranças ornadas com fitas. A posição dos nós dados nos aventais são capazes de indicar o estado civil da mulher: se usado na esquerda, indica que a mulher está solteira, quando à direita, está comprometida, e quando usado atrás, trata-se de uma viúva.

Atualmente, os dirndls e lederhosen são usados somente em ocasiões especiais, confeccionados e utilizados muito respeitosamente, por se tratar de trajes que relembram a cultura dos antepassados alemães. 

3- Pa’u

roupas tradicionais
Exemplo de pa’u. | Foto: Reprodução.

A pa’u é uma saia havaiana feita para dançar hula. De início, era utilizada por homens e mulheres, e confeccionada com madeira de algumas árvores. Eram combinadas com adereços nos pulso, pescoço e cabeça, feitos a partir de elementos naturais como ervas, cascas de árvores e flores. Aos poucos, as saias havaianas passaram a ser feitas com tecidos coloridos e estampados, que comumente não ultrapassam muito a altura dos joelhos. 

4- Indumentárias das baianas

roupas
Indumentárias das baianas. | Foto: Reprodução.

Perguntou Dorival Caymmi: “O que é que a baiana tem?”. A baiana tem uma vestimenta que combina traços de diferentes povos. As anáguas são inspiradas nas vestes das senhoras portuguesas, os turbantes nos negros que se converteram ao islamismo, enquanto os adornos, como colares e pulseiras, derivam do continente africano.

As vestes baianas costumam ser compostas por pano de costa, bata, torso e uma saia rodada. As combinações e tecidos utilizados, assim como as cores e estampas, variam de acordo com as ocasiões e efeitos desejados pelos que usufruem das roupas. Podem ser utilizados para atividades mais simples, atividades turísticas, desfiles de samba -variando conforme o enredo escolhido pelas escolas -, e em práticas religiosas.

5- Sombrero mexicano

Sombrero
Sombrero mexicano. | Foto: Reprodução.

Popularizados principalmente pelas telinhas, os sombreros mexicanos se tornaram praticamente isotipos do México. Por causa de suas abas largas, foram um grande aliado dos antigos povos mexicanos contra o clima escaldante. Hoje, o seu uso é bastante raro, a não ser em relação a finalidades turísticas e apresentações folclóricas do território.

________________________________
Por Heloisa Vasconcelos – Fala! UFPE

Tags mais acessadas