Conheça cinco receitas da culinária tradicional italiana
Menu & Busca
Conheça cinco receitas da culinária tradicional italiana

Conheça cinco receitas da culinária tradicional italiana

Home > Entretenimento > Cultura > Conheça cinco receitas da culinária tradicional italiana

O Brasil é um país amante da culinária italiana, é o segundo país que mais consome pizza no mundo, ficando atrás apenas dos Estados Unidos. De acordo com a Associação de Pizzarias Unidas, o brasileiro consome cerca de 1,7 milhões de pizzas todos os dias, só o estado de São Paulo consome 800 mil.

Mas as evidências de que o Brasil ama os pratos italianos não param por aí. Uma pesquisa sobre Hábitos alimentares do brasileiro – preferências, dietas e tendências de consumo feita no Mercadão Municipal de São Paulo, pela Banca do Ramon, aponta que, quando se trata de pratos estrangeiros, 41% dos entrevistados prefere ir a restaurantes italianos. Ficando na frente dos queridos pratos orientais, que só tiveram 32% de preferência, árabes, portugueses e outros países.

Mas de onde surgiu essa admiração brasileira pela gastronomia italiana? A população italiana imigrou em peso para o Brasil de 1880 até 1930, acontecimento que influenciou diretamente a cozinha brasileira. Pratos tipicamente italianos, como a pizza, o nhoque, a lasanha, o macarrão à bolonhesa, são muito consumidos em todo o Brasil até hoje.

O mais conhecido na culinária italiana são suas massas, mas ela vai além, confira algumas receitas bem típicas.

Receitas italianas típicas

1. Risotto

Risotto
Risotto. | Foto: Reprodução.

O prato surgiu na Lombardia, região no norte da Itália, cuja capital é Milão, por volta do século XI. No decorrer do tempo e com o espalhamento da receita por todo o país, ele ganhou muitos sabores, mas o mais famoso é o “risotto alla milanese”, à base de açafrão.

Ingredientes 

  • 2 litros de caldo de carne
  • 3 colheres (sopa) de óleo
  • 5 colheres (sopa) de manteiga
  • 1 xícara (chá) cebola picada
  • 350g de arroz arbóreo
  • 1 copo de vinho branco seco
  • 1 colher (sopa) de açafrão
  • 1 xícara (chá) de creme de leite fresco
  • 1 ½ xícara (chá) de queijo parmesão ralado
  • Sal a gosto 

Modo de Preparo

  1. Numa panela, doure a cebola no óleo e numa colher de manteiga. Junte o arroz sem lavar e mexa por alguns minutos até que os grãos fiquem leitosos.
  2. Acrescentar o vinho, deixar evaporar e cobrir por alguns minutos.
  3. Mexa em fogo baixo e adicione quase todo o caldo quente aos poucos, o arroz não pode ficar seco. Marcar 16 minutos do primeiro acréscimo do caldo e acrescentar o açafrão diluído no restante do caldo, misture o restante da manteiga e mexa bem. 
  4. Acrescente o creme de leite e o parmesão.
  5. Retire a panela do fogo e deixe descansar por três minutos com a panela coberta. Sirva imediatamente.

2. Bistecca alla fiorentina

Bistecca alla fiorentina
Bistecca alla fiorentina. | Foto: Reprodução.

A Bisteca Fiorentina é típica da região da Toscana, em particular da capital, Florença, e já entrou até em rankings de melhores carnes do mundo. A receita típica possui a carne assada e acompanhada do vinho toscano Chianti. O corte da bisteca no Brasil é o que conhecemos como filé mignon, contra filé e alcatra.

Ingredientes

  • 400g de tomate cereja
  • 1kg de bisteca alla fiorentina
  • 1 maço de salsinha picada
  • 2 dentes de alho cortados
  • 1 dente de alho grande ralado
  • Sal a gosto
  • Pimenta-do-reino a gosto
  • Azeite
  • Alecrim
  • Raspas de limão siciliano

Modo de preparo

  1. Com a carne em temperatura ambiente, temperá-la dos dois lados com sal e deixar descansar por 10 minutos. 
  2. Em uma assadeira, disponha os tomates, tempere com sal e pimenta-do-reino, acrescente o azeite, o alecrim e o alho cortado. Leve ao forno pré-aquecido a 250ºC por, aproximadamente, 15 minutos. 
  3. Em uma grelha bem quente, grelhar a carne por cerca de 5 minutos de cada lado. O ponto da carne é mal passado, o forno ou a grelha precisam estar bem quentes. Retire da grelha e deixe descansar por 10 minutos. 
  4. Enquanto isso, faça uma gremolata (que é como se fosse um patê de ervas que acompanha o prato, esse condimento também é tradicional do Ossobuco outro prato típico italiano). Pique a salsinha em uma tigela e acrescente o alho ralado, as raspas de limão, o azeite e o sal, misture bem. 
  5. Sirva a carne com a gremolata por cima e os tomates acompanhando.

3. Arancino ou Arancina 

Arancina
Arancina. | Foto: Reprodução.

Esse prato é originário da região da Sicília e consiste basicamente em um bolinho de arroz frito e recheado, normalmente por molho de ragu de carne. Porém, o recheio também pode ser de tomate, queijo, ervilha, manteiga, berinjela, entre outros sabores.

Ingredientes

Massa

  • 500g de arroz para
  • 1 litro e 1 copo de água
  • 50g de manteiga
  • 1 colher (sopa) de sal
  • 1 pitada de açafrão

Para o recheio: 

  • 250g de carne moída
  • 50ml de vinho branco
  • 1 cebola pequena
  • ½ cenoura
  • 1 folha de louro
  • 1 colher (sopa) de extrato de tomate
  • Sal e pimenta-do-reino a gosto
  • 100g de queijo curado em pedacinhos 

Modo de preparo

Massa

  1. Cozinhe todos os ingredientes em uma panela grande em fogo médio, sem mexer. Quando a água secar e o arroz estiver cozido, apague o fogo e deixe esfriar.

Para o recheio

  1. Pique e refogue a cebola e a cenoura com um fio de azeite, adicione a carne moída, misturando bem. Junte o vinho com o fogo alto e deixe evaporar. Coloque a folha de louro e o extrato de tomate diluído em uma xícara de água morna.
  2. Adicione à carne, dois copos de água, sal e pimenta. Deixe cozinhando até a carne ficar bem macia. Deixe esfriar e adicione o queijo, misturando bem.
  3. Com o arroz frio, molhe as mãos e pegue a quantidade desejada e forme uma bola com as mãos. Os arancinis tradicionais têm o tamanho de uma laranja.
  4. Coloque o recheio de carne, mas uma quantidade suficiente que permita fechar o bolinho. Passe os arancini no leite e, depois, na farinha de rosca.
  5. Frite os bolinhos em óleo até que fiquem dourados. Sirva !

4. Cannoli

Cannoli
Cannoli. | Foto: Reprodução.

É uma sobremesa que surgiu na Sicília e é uma das sobremesas italianas mais famosa no Brasil. É feito com massa doce frita em formato de tubinhos e recheado com um creme a base de queijo ricota ou mascarpone, baunilha, pistache, chocolate ou frutas cristalizadas. Mas, no Brasil, o doce ganhou novas versões de recheios, como Nutella, creme de confeiteiro e doce de leite. 

Ingredientes

  • 1 xícara de farinha de trigo
  • ½ colher (chá) de cacau em pó
  • 1 colher (sopa) de açúcar
  • ¼ colher (chá) de canela em pó
  • ¼ colher (chá) de sal        
  • ¼ xícara de vinho branco
  • 1 ½ colher (sopa) de manteiga
  • ¼ colher (chá) de vinagre branco
  • 2 xícaras de ricota fresca
  • ¾ xícara de açúcar de confeiteiro
  • Raspas de 1 laranja

Modo de preparo

  1. Em um tigela, misture a farinha, o cacau em pó, o açúcar, a canela e o sal. Adicione o vinho branco, a manteiga e o vinagre. 
  2. Misture bem até obter uma massa homogênea. Enrole em um filme plástico e leve à geladeira enquanto faz o recheio.
  3. Em um processador, adicione a ricota fresca, o açúcar e as raspas da laranja. Processe por 3 minutos ou até obter um creme espesso e liso. Reserve na geladeira.
  4. Cortar uma porção da massa, passar um pouco de farinha e com a ajuda de um modelador de massas, abra a massa até ficar bem fina.
  5. Sobre uma bancada ou mesa enfarinhada, corte discos com o auxílio de um cortador. Pegue um disco de massa, enrole em um canudo para cannoli e grude as pontas com um pouco de claras.
  6. Em óleo quente, frite os cannolis e reserve para esfriar um pouco. Com dois papéis toalha, retire o canudo do cannoli, tomando cuidado caso ainda estejam quentes.
  7. Colocar o recheio de ricota em um saco de confeitar e rechear os cannolis da parte interna até a extremidade e repetir o processo na outra ponta. Finalizar com açúcar de confeiteiro e servir.

5. Tiramisú

Tiramisú
Tiramisú. | Foto: Reprodução.

Não se tem certeza da origem dessa receita, mas acreditam que possa ser de Florença ou Treviso. A sobremesa possui camas de biscoito champagne ou pão de ló, embebido em café, camadas de creme à base de mascarpone e também vai licor e cacau em pó.

Ingredientes

  • 500g de queijo mascarpone
  • 2 gemas
  • ½ xícara (chá) de açúcar
  • 60ml de rum
  • ½ xícara (chá) de café forte sem açúcar
  • 12 unidades de biscoito champanhe
  • 4 claras de ovos
  • Chocolate em pó para polvilhar 

Modo de preparo

  1. Num prato, misture o café e o rum. Escolha uma travessa retangular para montar o Tiramisu. Molhe apenas um dos lados do biscoito na mistura de café com rum por 2 segundos. Em seguida, transfira para a travessa com o lado molhado virado para cima. Cubra todo o fundo da travessa, regue os biscoitos, caso sobre a mistura de café e reserve.
  2. Em uma batedeira, coloque as gemas e o açúcar e bata até formar um creme bem claro. Adicione o mascarpone, bata para misturar e reserve.
  3. Limpe e seque muito a tigela e as pás da batedeira. Bata as claras até ficarem em neve. Misture cuidadosamente as claras ao creme de mascarpone e gemas.
  4. Espalhe o creme sobre os biscoitos, cobrindo completamente a travessa. Leve à geladeira por 24 horas.
  5. Para servir, polvilhe o chocolate em pó por cima. Aproveite!

Ficou com vontade de provar alguma receita? Já experimentou alguma delas?

_________________________
Por Jennifer Alexandre – Fala! Uniso

Tags mais acessadas