Conheça cinco animações de países estrangeiros para assistir
Menu & Busca
Conheça cinco animações de países estrangeiros para assistir

Conheça cinco animações de países estrangeiros para assistir

Home > Entretenimento > Cinema e Séries > Conheça cinco animações de países estrangeiros para assistir

Fim de ano chegando, finalmente de férias, mas ainda entediados nessa quarentena que parece nunca acabar? Calma que é só aguentar um pouco mais que o fim disso tudo logo vem aí. Mas já que vocês estão presos em casa mesmo, que tal dar uma olhada nessa lista com 5 animações lindas do mundo todo? Bem melhor passar o tempo assistindo a um filminho bom do que só ficar de braços cruzados, não é? Vamos lá!

Animações de países estrangeiros

1. Homem-Aranha no Aranhaverso (2018, EUA)

Homem-Aranha no Aranhaverso
Homem-Aranha no Aranhaverso é uma das animações mais aclamadas dos últimos tempos. | Foto: Reprodução.

Começando com um filme que muitos já devem conhecer. Homem-Aranha no Aranhaverso, do diretor Peter Ramsey, chama a atenção das pessoas por seu traço diferenciado, dando a impressão de que as cenas saíram direto de um quadrinho. Não foi à toa que venceu o Oscar de Melhor Animação em 2018.

A história acompanha o jovem Miles Morales, cuja vida muda completamente quando é picado por uma aranha radioativa que escapa de um laboratório. Pouco tempo depois, ele testemunha a morte do Homem-Aranha original de seu universo, Peter Parker, o qual deixa uma missão para Miles: impedir o Rei do Crime de destruir o multiverso para seus fins pessoais.

Não é um trabalho fácil, ainda mais porque o garoto tinha acabado de conseguir os seus poderes, mas, pelo menos, ele não estará sozinho. Outras “pessoas-aranha”, com habilidades parecidas às de Miles, aparecem de outras dimensões para ajudá-lo a impedir o vilão, já que é a única forma que eles têm para voltarem para suas casas.

É uma história bem simples, porém divertida, com muitos momentos de humor inteligente e alguns personagens surpreendentemente interessantes, com uma ótima mensagem de superação e “seja você mesmo”.

2. Sussurros do Coração (1995, Japão)

animações Studio Ghibli
Sussurros do Coração, uma das melhores animações do Studio Ghibli. | Foto: Reprodução.

Um dos vários sucessos do aclamado Studio GhibliSussurros do Coração acompanha Shizuku Tsukishima, uma estudante com imaginação fértil que sonha ser uma escritora de sucesso algum dia. Para se distrair das obrigações que sua mãe e irmã lhe impõem ao longo dos dias, a menina decide ler vinte livros inteiros durante as férias.

No entanto, a sua curiosidade logo é despertada quando percebe que todos os livros que ela pega da biblioteca já haviam sido reservados antes por uma outra pessoa: um garoto chamado Seiji Amasawa.

A trama do diretor Yoshifumi Kondo é, na verdade, bem introspectiva e muito menos fantasiosa que a dos outros filmes mais conhecidos do Studio Ghibli, como o famoso Viagens de Chihiro (2001), de Hayao Miyazaki. Aqui a história tem um tom bem intimista, na qual Shizuku tenta descobrir qual o seu lugar no mundo enquanto lida com suas ambições, escola, amigos e um possível romance com o misterioso garoto que vê o nome em todos os seus livros.

É um filme de amor lindo e excelente para espairecer e relaxar um pouco do nosso dia a dia menos que ideal. Sem contar que, se você já é um fã da Studio Ghibli, vai adorar as várias referências que esse filme faz às outras obras! Você consegue encontrar todos os segredos?

3. Com Amor, Van Gogh (2017, Polônia-Reino Unido)

melhores animações
Com Amor, Van Gogh é uma das animações mais famosas. | Foto: Reprodução.

Aqui está mais um filme que se destaca pela sua brilhante estética, que alguns podem argumentar ser até mais impressionante que o primeiro na lista. Com Amor, Van Gogh é uma verdadeira carta de amor para o artista do mesmo nome, não somente pela fidelidade à história do pintor, mas também ao seu estilo de pintura, o qual a animação toda do longa se baseia.

No enredo, Armand Roulin assumiu como seu dever entregar uma carta que encontrou do falecido Van Gogh para Theo, o irmão do artista. O pintor já estava morto fazia um ano e a carta nunca havia chegado ao seu destino antes. Porém, com o passar da história, Armand se torna cada vez mais obcecado com o passado do expressionista holandês, a ponto de decidir iniciar a sua própria investigação pessoal para descobrir o que realmente aconteceu com Van Gogh. Teria ele realmente se suicidado ou haveria algum responsável por trás de tudo isso.

O ritmo do filme pode não ser do agrado de todos, mas vale a pena conferir simplesmente pelo enorme esforço que a equipe colocou nesse filme para trazê-lo à vida de uma forma tão deslumbrante. Literalmente cada frame pode ser considerado uma obra de arte. Se você é um fã da história da arte ou de Van Gogh, não deixe de conferir!

4. Kiriku e a Feiticeira (1998, França)

kiriku
Assim como outras animações, Kiriku e a Feiticeira é um sucesso. | Foto: Reprodução.

O filme do diretor francês Michel Ocelot levou ao cinema uma conhecida lenda africana. Desde seu nascimento, Kiriku não era uma criança comum: ele saiu de dentro do útero de sua mãe sozinho, cortou o cordão umbilical e, ainda por cima, se deu o próprio nome. Logo de cara, já sabia como falar, andar e correr bem rápido! Apesar de ser superdotado, ele era menosprezado pelos mais velhos da aldeia, por ser apenas uma criança, então o encaravam da cabeça aos pés. Mas logo surgiria uma chance de isso mudar.

A aldeia de Kiriku é constantemente ameaçada pela misteriosa feiticeira Karabá. O tio de Kiriku, inclusive, já havia tentado exigir que ela acabasse com suas maldades, mas foi quase morto pela mesma. Ele só escapou com vida porque Kiriku o havia seguido, escondido em seu chapéu, motivado pela curiosidade. Depois desse episódio, o garoto tornou como sua missão descobrir mais sobre a bruxa, para saber exatamente porque ela é má.

O longa possui um traço lindo e representa muito bem a cultura da África Subsaariana: seja na trilha sonora, nas vestimentas dos personagens ou no compromisso dos roteiristas de contar a lenda da forma mais natural possível, sem grandes mudanças. Além de ser uma história divertida, também é ótima para pessoas de todas as idades, visto que o conto gira em torno dos temas de compaixão e empatia, que são valores importantes de serem reforçados no dia a dia.

5. Mary & Max – Uma Amizade Diferente (2010, Austrália)

animações
Mary & Max – Uma Amizade Diferente é uma das animações mais emocionantes. | Foto: Reprodução.

E para finalizar a lista, um filme destinado a um público mais maduro. Afinal, animação não é só para crianças, não é? O longa em stop motion de Adam Elliot, baseado em fatos reais, conta a história de duas pessoas que se conhecem por correio e se tornam amigas. Mary é uma menina australiana com 8 anos de idade que não consegue fazer amigos e Max é um estadunidense idoso que sofre de autismo.

Ambos não se encaixam nos padrões da sociedade e se sentem isolados. No entanto, mesmo com as diferenças de idade e o fato de cada um estar em um canto diferente do planeta, os dois conseguem se encontrar e formar um laço forte e verdadeiro, chegando a falar de temas profundos como o que é amor e a morte.

Em um ano tão incomum como esse que estamos vivendo, é muito interessante e até bonito ver uma relação assim, porque é algo que qualquer pessoa poderia fazer. Conversamos com pessoas via mensagens o tempo inteiro, mas quem sabe trocar o WhatsApp por uma carta seja uma ideia legal de se fazer com aqueles melhores amigos. Pode não chegar tão rápido quanto uma mensagem, mas definitivamente carrega muito mais emoção, pelo quão incomum é receber uma carta hoje em dia. 

___________________________
Por Matheus Zúñiga – Fala! Mack

Tags mais acessadas