Cadastre-se e tenha acesso a conteúdos exclusivos!
Quero me cadastrar!
Menu & Busca
TODOS CONTRA A DENGUE: Ela está de volta e precisamos nos proteger

TODOS CONTRA A DENGUE: Ela está de volta e precisamos nos proteger

São Paulo registra os casos mais graves da doença; já são 29 mortes confirmadas. Conheça os sintomas e formas de prevenção da doença.


Rafaele Rocha Oliveira – FALA!PUC

Depois da epidemia de 2016, errou quem pensou que estávamos livres da dengue. De acordo com um novo boletim divulgado pelo Ministério da Saúde, o Brasil já computa quase 230 mil casos da doença até 16 de março desse ano. Esse número representa um aumento de 264% em relação ao mesmo período em 2018. O número de mortes relacionadas à doença também aumentou: são 62 registros, 67% a mais do que em 2018. Desse total, metade foi registrado no Estado de São Paulo.

Casos de dengue aumentam no Brasil.
Casos de dengue aumentam no Brasil.

O aumento preocupa os agentes de saúde. De acordo com Rosemeire Soares Camargo, agente de saúde e endemias do centro de controle de zoonoses, o papel da população é fundamental no combate à dengue. “Se todos fizerem a sua parte, conseguiremos vencer esse inimigo, que é o mosquito da dengue. Por isso, não deixem nenhuma água parada. Evitem criadouros”, explica a agente.

Reconhecer o mosquito aedes aegypti não é difícil. Ele não faz o famoso “zumbido” a que estamos acostumados em outras espécies de mosquitos. O ataque acontece de dia, e ele gosta de lugares fechados. O corpo do aedes aegypti é mais escuro e tem manchas brancas pelo corpo. “Se encontrar um mosquito com essa descrição, a pessoa deve entrar em contato com o “Disque Dengue” da Prefeitura de São Paulo, no número 156”, afirma Rosemeire, que atua nessa área há 15 anos.

Casos de dengue aumentam no Brasil.

É necessário também atentar para os sintomas, que aparecem a partir do terceiro dia depois da picada do mosquito. Os principais sintomas são febre alta (39ºC a 40ºC), dores nas articulações, dor de cabeça e ao movimentar os olhos, cansaço, falta de apetite, intensas dores musculares, náuseas e manchas avermelhadas no corpo. Ao apresentar os sintomas, é importante procurar um serviço de saúde para diagnóstico e tratamento adequados. A automedicação é totalmente contraindicada.

Casos de dengue aumentam no Brasil.

    Quanto à forma de dengue mais grave, a hemorrágica, os sintomas iniciais são bem parecidos No entanto, após o terceiro ou quarto dia, ocorrem hemorragias causadas pelo sangramento de pequenos vasos da pele e outros órgãos. A dengue hemorrágica gera falência de órgãos e é potencialmente fatal.     A dengue mais simples é curada em aproximadamente dez dias, sendo recomendados repouso, analgésicos, antitérmicos e reidratação.

“Se todos fizerem a sua parte, conseguiremos vencer esse inimigo, que é o mosquito da dengue.” – Rosemeire Soares, agente de saúde e endemias”

Casos de dengue aumentam no Brasil.

Para a dengue não há tratamento, nem vacina. A melhor forma de prevenção é o combate ao mosquito transmissor, eliminando a água parada em pneus, garrafas, vasos de plantas, calhas e lajes –  locais que podem se tornar possíveis criadouros do mosquito.

0 Comentários

Tags mais acessadas