Cadastre-se e tenha acesso a conteúdos exclusivos!
Quero me cadastrar!
Menu & Busca
Bitcoin: A “moeda” digital que é considerada a revolução do mercado financeiro

Bitcoin: A “moeda” digital que é considerada a revolução do mercado financeiro

Por Bianca Dias – Fala! Anhembi

A era digital trouxe diversos avanços para a humanidade, mas algo que vem revolucionando são as chamadas “moedas digitais”. Por que essa nova era tem cativado a atenção de tecnólogos e investidores?

Existem diversos tipos de “moedas digitais”, mas a bitcoin foi a primeira criptomoeda a destacar-se no mercado.

  • Por que a bitcoin pode revolucionar o mercado financeiro?

O que a diferencia das demais “moedas” é o fato de que a bitcoin possui valor de troca e funcionamento no ambiente digital. Isso, até então, era algo inédito. Outro motivo que atraiu atenção para a criptomoeda foi o fato dela não possuir nenhum vínculo com bancos – então as bitcoins não possuem cancelamentos e taxas, uso de cartões e “maquininhas”.

[read more=”Leia Mais” less=””]

  • O que é bitcoin?

Bitcoin (BTC) é uma criptomoeda (“moeda” digital). Distinta das diversas moedas físicas como o real, o euro e o dólar, a bitcoin não existe fisicamente. Um elemento muito importante sobre a bitcoin é que esta não possui um emissor central, ou seja, ela não tem qualquer vínculo com instituições financeiras (bancos centrais), por isso a bitcoin é decentralizada.

Bitcoin é simplesmente um dinheiro eletrônico de peer to peer (pessoa para pessoa)essa foi a definição dada pelo seu suposto criador, pois até hoje não se sabe ao certo se a bitcoin foi criada por um indivíduo ou por um grupo.  Os créditos são dados a um suposto anônimo chamado Satoshi Nakamoto.

A Bitcoin (BTC) existe desde 2008 quando o suposto criador, Nakamoto, divulgou um artigo em que mostrava qual era os procedimentos necessários para se criar essa moeda digital, mas foi só no ano de 2017 que o mercado financeiro começou a perceber seu poder..

Essa criptomoeda é muito mais complexa do que imaginamos e contém diversos nichos importantes, mas entre eles podemos destacar um sistema: O Blockchain (corrente de blocos).

Primeiro temos que ter em mente que a bitcoin é produzida por um ecossistema de computadores espalhados pelo mundo todo: as máquinas que são utilizadas devem conter um sistema funcional excelente e a capacidade de resolver diversos problemas matemáticos. As pessoas que produzem essas moedas digitais levam o nome de mineradores de bitcoins. A função dos mineradores é registrar e aprovar as transações feitas.

O Blockchain é um sistema onde todas as operações são registradas: como compra, venda e investimentos, resumindo é um banco de dados. O grande segredo por trás desse sistema é que todos os computadores devem resolver diversos problemas matemáticos complexos, no qual são aprovadas ou não a compra e venda de bitcoins. A cada problema solucionado, um bloco se fecha e faz com que o minerador ganhe, como recompensa, uma fração de bitcoin. Caso o computador que o minerador usa não conseguir resolver o cálculo matemático em menos de 10 minutos, o sistema Blockchain irá criar um novo bloco de transações com um novo problema matemático, e assim sucessivamente até a máquina conseguir resolver essa questão matemática.

  • Como eu faço para comprar bitcoins?

Para obter bitcoins você deve adquirir uma carteira digital que pode ser desde um aplicativo em seu computador até um aplicativo em seu smartphone. A principal função da carteira digital é agrupar os endereços dos seus bitcoins.

  • Endereço bitcoin: eles são códigos de caracteres onde você pode armazenar os bitcoins, é uma chave pública de criptografia; Por exemplo: o QR Code que é uma representação de um endereço em forma criptografada.

O endereço bitcoin tem uma chave pública (endereço que você utiliza para as pessoas transferirem BTC para sua conta) e dentro dessa chave pública você possui uma chave privada (código confidencial, como uma senha).

Alguns mercados de câmbio já trocam o real, dólar, euro por bitcoins, mas temos que levar em consideração que o mercado BTC é imprevisível, principalmente pelo fato de não obter a presença de um órgão regulador de todo esse processo. Antes de qualquer passo: estude, pesquise, aprenda e compreenda o mercado de bitcoins.

“Talvez o primeiro e o principal alerta e recomendação para quem queira usar e investir em bitcoin é: Aprenda como funciona, aprenda a usar a bitcoin e fazer os backups (…) Às vezes as pessoas querem se prender a quanto vão ganhar com isso, antes de pensar como isso pode ou não valorizar tem que guardar com segurança (…) pois com o bitcoin você é o próprio investidor e comprador, não tem a quem recorrer” alertou Fernando Ulrich, mestre em economia com experiência no mercado financeiro e imobiliário, em debate no canal Inversa Pub.

[/read]

0 Comentários

Tags mais acessadas