Menu & Busca
BabyPass: um aplicativo feito especialmente para pais e filhos

BabyPass: um aplicativo feito especialmente para pais e filhos


No início do primeiro semestre de 2019, chega a São Paulo o aplicativo BabyPass, o “Uber para crianças”.

Por Maria Antônia Anacleto – Fala! Cásper

Dentro da dinâmica das grandes cidades, a mobilidade urbana funciona de modo mais conflituoso e os aplicativos que realizam a mediação desta locomoção surgem como facilitadores em diversos momentos, como o Uber e 99táxis.

Porém, mesmo com essa espécie de facilidade no transporte, algumas pessoas continuam saindo em desvantagem e infelizmente passando por apuros. Como acontece com diversas famílias e mães desacompanhadas com seus filhos pequenos ou bebês de colo.

Aplicativo Baby Pass, o Uber para bebês.
Aplicativo Baby Pass, o Uber para bebês.

“Costumo usar Uber e 99táxi com duas crianças e na maior parte das vezes com até quatro malas da escola. Um apuro! Imagine dois braços e quatro malas e duas crianças para gerenciar!”, diz Lúcia, mãe de Fábio e de Ana, com 10 anos e 1 ano, respectivamente.

Muitos carros não possuem cadeirinhas específicas para o transporte ideal das crianças e diversos motoristas não são preparados para transportar crianças pequenas em segurança.

“Seria fundamental para o transporte seguro das crianças ter veículos que oferecessem os acessórios adequados conforme a idade, que seriam bebê-conforto, poltrona de elevação (cadeirinha) e assento de elevação”, diz Aline, mãe de Alice de 1 ano de idade.

“Não temos ajuda para embarcar/desembarcar as crianças e os volumes. Durante o transporte, não temos cadeirinha ou booster seat para os menores viajarem em segurança”, afirma Lúcia.  

No caso das mães desacompanhadas, a insegurança de estar sozinha na presença de um motorista homem (que ainda é a grande maioria dentro dos aplicativos de transporte particular), e de este assediá-la ou abusá-la, também é um fator que dificulta a locomoção destas com seus filhos.

Motivado por estas razões, o empresário Bruno Castro, de 34 anos, em conjunto dos amigos e empreendedores digitais Daniel Sanches, de 34 anos, e Leonardo Mendes, de 35, desenvolveu o aplicativo BabyPass, lançado originalmente na cidade do Rio de Janeiro.

Projetado especialmente para o transporte particular de crianças, o app reúne apenas motoristas mulheres, carros com assentos especiais para crianças de 0 a 7 anos e também disponibiliza rotas especiais com programação infantil, como parques, hospitais infantis, shoppings, eventos para crianças e pontos turísticos.

Aplicativo Baby Pass, o Uber para bebês.
Aplicativo Baby Pass, o Uber para bebês.

O aplicativo, disponível para dispositivos Android e IOS, chegou à cidade de São Paulo em fevereiro de 2019, e devido a isso, ainda está na “fase de adaptação”.

Devido ao fato de estar “pouco” tempo em funcionamento, o número de motoristas ainda é reduzido, o funcionamento ainda é devagar e os preços são mais altos. Porém, todo usuário diz que o conceito do aplicativo é muito bom: um “Uber para mães e suas crianças”.

O BabyPass pode simbolizar uma nova oportunidade de emprego para diversas pessoas, principalmente para mulheres, que consequentemente começarão a ser inseridas em um ambiente de trabalho tradicionalmente masculino.

Além da geração de renda, emprego e a inserção de mais mulheres no mercado de trabalho, o aplicativo proporciona, essencialmente, mais segurança para as mães e crianças, que serão transportadas corretamente.

Para as famílias, BabyPass pode simbolizar uma vantajosa alternativa de locomoção dentro da cidade de São Paulo.

Quer se tornar um colaborar e escrever para o fala?
Saiba como

3 Comentários

  1. raphaelvieira
    6 meses ago

    legal

  2. raphaelvieira
    6 meses ago

    faz de novo

Tags mais acessadas