Goleiro do São Paulo é preso após agredir a esposa nos EUA
Menu & Busca
Goleiro do São Paulo é preso após agredir a esposa nos EUA

Goleiro do São Paulo é preso após agredir a esposa nos EUA

Home > Entretenimento > Famosos e TV > Goleiro do São Paulo é preso após agredir a esposa nos EUA

Depois de agredir a esposa, Jean Paulo, goleiro do São Paulo Futebol Clube, é preso nos Estados Unidos.

Visto que, na ficha do jogador, consta que é pré-sentenciado por violência doméstica, o clube estuda rescindir o contrato de Jean.

Ficha da prisão do goleiro Jean nos Estados Unidos — Foto: Reprodução
Ficha da prisão de Jean Paulo – foto: Reprodução

Milena Bonfim acusa o jogador Jean Paulo Fernandes Filho, goleiro do São Paulo Futebol Clube, de agressão. Em vídeo postado e apagado no Instagram, a esposa do goleiro aparece com o rosto machucado.

Segundo o relato feito por Milena em vídeo, o jogador teria agredido-a e trancado-a no banheiro durante a viagem de férias nos Estados Unidos.

Apesar de Bonfim ter apagado os vídeos nos quais relatava a situação, algumas pessoas salvaram-nos e divulgaram-nos pelas redes sociais e pela plataforma do YouTube.

Após ser agredida, esposa do goleiro do São Paulo publica vídeo desesperada

Depois dos vídeos, a esposa do goleiro divulgou também um print de sua conversa com o marido, no qual o jogador afirmava que ela havia terminado sua carreira.

Print da conversa entre Milena e Jean Paulo – foto: Reprodução

Visto que a preocupação de usuários só aumentava, Bonfim se pronunciou a fim de tranquilizá-los. Assim, comunicou que estava segura com as filhas, mas estava incomunicável.

Diante da acusação de agressão, o clube do São Paulo se manifestou por nota oficial.

O São Paulo Futebol Clube informa que acompanha o caso envolvendo o atleta Jean Paulo Fernandes Filho e aguarda apuração dos fatos para definir as medidas cabíveis.

Em seus quase 90 anos de existência, o São Paulo construiu uma história pautada por princípios sólidos de conduta dentro e fora de campo, e não abre mão deles.

SPFC em nota oficial

0 Comentários

Tags mais acessadas