Cadastre-se e tenha acesso a conteúdos exclusivos!
Quero me cadastrar!
Menu & Busca
O Fala! colou no Acampamento “Lula Livre” em Curitiba

O Fala! colou no Acampamento “Lula Livre” em Curitiba

Por Júlia Nagle – Fala!USP

Desde o dia 7 deste mês, com a transferência do ex-presidente Lula para a Superintendência da PF em Curitiba, manifestantes de todo o Brasil concentraram-se em um acampamento de vigília próximo à Polícia Federal. Os militantes do partido e movimentos sociais se reuniram para protestar contra a prisão política de Lula, decretada pelo Juiz Sérgio Moro, e em solidariedade ao ex-presidente.

O acampamento foi instituído pelos trabalhadores do campo e pelo movimento MST, mas durante a semana passada moradores de Curitiba, integrantes de outros partidos e militantes de movimentos sociais de todo o Brasil se somaram ao acampamento. Durante o dia, são feitas apresentações culturais, atos políticos, e moradores da cidade também podem trazer doações de roupas, alimentos e livros.

[read more=”Leia Mais” less=””]

A vigília está nas ruas de casas próximas à sede da PF, em um bairro residencial. Alguns moradores cercaram a grama em volta de suas casas para que os acampantes não fixassem suas barracas ali, e a organização do acampamento procura respeitar ao máximo este espaço. Há uma comissão de integrantes chamada disciplina, e os militantes se revezam nas funções de proteger o patrimônio dos moradores próximos, manter a limpeza do acampamento – o que inclui cuidar para que nenhum acampante ou visitante jogue lixo nas ruas ou pise na grama dos moradores – e realizar a resguarda durante os atos e outras atividades da vigília.

Com o passar desta semana, muitos moradores das ruas do acampamento passaram a ceder seu espaço para abrigar as barracas dos manifestantes, e a abrir suas casas para que os acampantes pudessem tomar banho e usar a eletricidade. Neste domingo (15), o MST estava oferecendo produtos das cooperativas sem-terra para os moradores próximos em forma de agradecimento.

O Fala! acompanhou a programação deste sábado e domingo e registrou momentos do acampamento. As imagens mostram os acampantes, moradores da região, doações de roupas, alimentos e livros, as barracas de comida gratuita para os acampantes e moradores, e o ato de vigília de sábado (14),quando se completou 30 dias desde a execução da vereadora Marielle Franco do PSOL no Rio de Janeiro.

Confira as fotos feitas pelo Fala! durante o dia 15:

[/read]

Confira também:

– Moda, cultura e política – como a década de 60 influenciou o mundo da moda

– Fala! colou na mostra Karina Buhr e Nando ZV

1 Comentário

  1. Pedro Vicente
    1 ano ago

    Coluna muito pertinente com a conjuntura atual do país

Tags mais acessadas