A influência da cultura britânica no mundo contemporâneo
Menu & Busca
A influência da cultura britânica no mundo contemporâneo

A influência da cultura britânica no mundo contemporâneo

Home > Cultura Inglesa > A influência da cultura britânica no mundo contemporâneo

Os Estados Unidos, desde o fim da Guerra Fria, tornou-se a grande potência econômica e cultural do mundo. Também por isso, o inglês é a língua mais utilizada para transações financeiras, estudos científicos, entre outras situações. Porém, o que muitos esquecem, é que anteriormente à hegemonia americana, o Reino Unido ocupava a posição de potência econômica e cultural nas relações internacionais.

como aprender ingles
A cultura britânica é muito rica e está presente em livros, músicas, séries e filmes. Foto: Unsplash

Foram os britânicos que espalharam, por meio de seu império ultramarino, o uso da língua inglesa. Hoje, o idioma é falado em várias ex-colônias britânicas como Canadá, Estados Unidos, Nova Zelândia, Índia e Austrália. Durante anos foi regra entre intelectuais saber inglês, já que é considerado o idioma das ciências e das artes. Isso continua regra atualmente, por isso muitas pessoas querem estar sempre aprendendo inglês.

viajar para exterior falar ingles inglês
Apesar do crescimento de outras cidades globais, Londres continua um centro importante para a economia e cultura global. Foto: Unsplash

Uma forma muito legal e construtiva de aprender inglês ou qualquer novo idioma é buscar mais sobre a cultura dos países que falam aquela nova língua para você. Como o inglês é um idioma falado por várias nações, decidimos focar na cultura britânica e em como ela continua influenciando a cultura global.

O Império e as trocas culturais

aprender ingles britanico ingês britânico
O Império Britânico foi o responsável por diversas trocas culturais entre a metrópole e colônias. Foto: Unsplash

O tamanho do Império Britânico, que ocupava áreas de todos os continentes, foi crucial no intercâmbio cultural entre colonos e colonizados. Inclusive, algumas dessas áreas até hoje mantêm fortes laços com o Reino Unido: diversas ex-colônias continuam apresentando como chefe de Estado a monarca britânica (Commonwealth).

Nessa troca cultural, eles levaram o inglês britânico e muitos territórios abraçaram a nova língua, que permanece com o status de oficial. Além disso, o aparato governamental e jurídico continua sendo a base do governo e das instituições das ex-colônias.

Entretanto, os colonos também tiveram sua cultura influenciada pelos povos colonizados. Um exemplo clássico é o consumo de chá, que foi absorvido depois do contato com o Oriente e tornou-se marca da cultura britânica.

A influência literária

ingles sozinho
Um grande número de obras e autores famosos nasceram em território britânico. Foto: Unsplash

O Reino Unido é a terra natal de vários cânones da literatura global. Várias obras britânicas são consideradas como marcos. Pra começar, podemos citar Shakespeare. O poeta e dramaturgo inglês é considerado o maior escritor em língua inglesa, e várias de suas obras teatrais, como Romeu e Julieta, Sonho de Uma Noite de Verão, O Mercador de Veneza e Muito Barulho por Nada, continuam como referências para profissionais e estudiosos do teatro.

É também das ilhas britânicas que grandes livros como Alice no País das Maravilhas, 1984 e Um Conto de Natal são originários. Mais recentemente podemos citar outro fenômeno literário inglês: Harry Potter.

A série de livros tornou-se febre entre os adolescentes e foi aclamadíssima pela crítica. Não é preciso pesquisar muito sobre como aprender inglês sozinho: ler obras desse tipo é uma excelente alternativa.

A influência musical

ingles com musica ingles com beatles
Música é uma boa forma para aprender inglês sozinho e de forma divertida. O Reino Unido é a casa de artistas conhecidos como os Beatles. Foto: Unsplash

Além de grandes romancistas, poetas e dramaturgos, o Reino Unido também é lar de vários intérpretes, compositores e músicos. Podemos citar o impacto que os Beatles tiveram na indústria da música e na cultura pop nas décadas de 60 e 70, que reverberam até hoje, já que os mesmos continuam influenciando os trabalhos artísticos atualmente.

Também são britânicas as bandas Rolling Stones, Pink Floyd, Queen e The Who. Na indústria fonográfica atual, Adele, Sam Smith, Ed Sheeran, Little Mix, Harry Styles e Jessie J são outros britânicos que vendem muitos discos e colecionam fãs ao redor do globo.

A influência na TV e no cinema

Ingles em casa ingles sozinho
Aconteceu uma adaptação cinematográfica da série britânica de livros Harry Potter. Foto: Unsplash

Também é inegável a contribuição britânica na indústria do entretenimento audiovisual. Além das viagens internacionais, apreciar esse tipo de obra é muito importante para aprender a falar inglês. São de origem britânicas séries aclamadas como Downton Abbey, Sherlock e The Crown.

Outra que fez muito sucesso fora do país foi Skins, que inclusive ganhou uma versão americana. O cinema britânico também foi responsável por entregar grandes sucessos de público e bilheteria: O Rei, Um Lugar Chamado Notting Hill, O Lar das Crianças Peculiares e toda saga Harry Potter.

O reality show Big Brother, apesar de ter sido criado na Holanda, teve inspiração britânica no livro “1984″ do escritor britânico George Orwell, que fala de uma sociedade autoritária onde todos são vigiados pelo Grande Irmão (Big Brother).

____________________________
Por Jefferson Ricardo – Fala! UFPE

Tags mais acessadas